05
Mar 14

 

 

Paulo Fonseca infelizmente deixou o comando técnico do fcp.

O homem coitado não tem culpa, não sabe mais......

publicado por aguiavitoria às 14:12

10
Jun 13

 

O nosso glorioso sagrou-se Campeão Europeu de hóquei em patins, pela primeira vez na sua história e logo no pavilhão do nosso maior rival a nível nacional.

 

 

Já na véspera, o Benfica havia eliminado o todo poderoso Barcelona.

Tendo a eliminatória ficado resolvida somente na marcação de grandes penalidades, onde o glorioso acabou por ser mais feliz.

 

 

Na final, o Benfica defrontou o F.C. Porto que na véspera havia eliminado o Valdagno por 9-7.

O Porto até entrou melhor no encontro, e rapidamente chegou ao 2-0 com um golo de Jorge Silva logo aos 2 minutos e outro de Reinaldo Ventura, de grande penalidade, aos 7 minutos.

 

 

O Benfica reagiu da melhor forma, dois minutos volvidos Cacau reduziu de livre directo.

 

 

Reinaldo Ventura nem deixou os encarnados saborear o golo repondo os dois golos de vantagem, quase de imediato.

O jogo estava de loucos e os golos apareciam de parte a parte.

 

 

O glorioso, com golos de Luís Viana e de Diogo Rafael, graças a uma stickada de meia distância, restabeleceram o empate a 3 bolas, contudo ainda antes do intervalo, Hélder Nunes voltaria a colocar o Porto em vantagem, finalizando à boca da baliza uma assistência de Reinaldo Ventura.

 

 

Na segunda parte, o Benfica entrou melhor, Marc Coy empatou a quatro, na sequência de um bom passe de Diogo Rafael, e Luís Viana colocou o glorioso pela primeira vez na frente do marcador, através da marcação de uma grande penalidade.

 

 

O guarda-redes Ricardo Silva ia travando as iniciativas do Porto e só não resistiu ao livre directo de Reinaldo Ventura que levaria o jogo para prolongamento.

 

 

No início do prolongamento um golo de João Rodrigues que surgiu a desviar para a baliza um remate de longa distância de Diogo Rafael, acabou de imediato com a final, graças à regra do golo de ouro.

O novo campeão europeu estava encontrado.

 

 

O Benfica sagrou-se pela primeira vez na sua história, campeão europeu de hóquei em patins, com todo o mérito, quebrando um jejum de 22 anos de conquista deste troféu para Portugal, tendo a última equipa portuguesa a consegui-lo a ser o Óquei de barcelos.

 

 

Os instantes seguintes ao tento da vitória foram emocionantes.........

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Destaque para momentos de fair play entre as duas equipas.......

 

 

Enorme recepção em Lisboa aos campeões europeus......

 

 

 

 

 

Também o merecias.......

 

 

Parabéns mais uma vez a toda a estrutura do hóquei benfiquista.

publicado por aguiavitoria às 19:59

28
Abr 13





" Casagrande recebeu vários telefonemas de Portugal a pedirem para se calar e esquecer este assunto do doping",

disse uma fonte próxima do ex-jogador brasileiro, que afirmou no programa de Jô Soares que tinha utilizado substâncias dopantes quando estava ao serviço do F.C.Porto, em 1987.





Mais um caso que face à sua gravidade, ficou esquecido no tempo.........
publicado por aguiavitoria às 10:59
tags: , ,

11
Jun 11

 

O F. C. Porto acabou, com uma "seca" de seis épocas sem conquistar o título, ao aproveitar o factor casa para bater o Benfica por 86-76, na "negra" da final da Liga de basquetebol.

 

 

Depois de seis jogos com três vitórias caseiras para cada lado, o "cinco" comandado pelo espanhol Moncho Lopez não vacilou e manteve a invencibilidade no Dragão Caixa, onde não perdeu uma única vez durante toda a época.

A formação "azul e branca" liderou todo o encontro, depois do 0-1 inicial, quase sempre com vantagens acima dos 10 pontos na segunda metade, num embate em que o Benfica se afundou em 23 "turnovers".

Sean Ogirri, com 25 pontos, e Gregory Stempin, com 20 pontos e 10 ressaltos, foram as grandes figuras da formação portista, enquanto Heshimu Evans e Marquin Chandler, ambos com 16 pontos, foram os melhores dos "encarnados".

 

 

Independentemente de não sermos os vencedores tenho de dar os parabéns a toda a estrutura de basquetebol do S.L.Benfica, pela grande época que fizeram, assim como à fabulosa época portista.

 

publicado por aguiavitoria às 00:18

24
Abr 11

 

O F.C. Porto venceu o Benfica por 1-3, em jogo relativo à segunda-mão das meias-finais da Taça de Portugal, e apurou-se desta forma para a final da competição, que vai agora disputar com o V. Guimarães. Os azuis e brancos tinham de fazer três golos na Luz, e conseguiram-no.
No fim acabaram por seguir em frente por ter marcado mais golos fora. Curiosamente todos os quatro golos surgiram na segunda parte. O primeiro tempo foi muito mais morno, sendo que só Falcao e Javi, em duas finalizações, ficaram perto de marcar.

 

 

 

Na segunda parte, aí sim, o jogo ganhou emoção. Primeiro, aos 63 minutos, João Moutinho inaugurou o marcador. Num remate de fora da área, o médio bateu Júlio César. Depois disso, e no espaço de onze minutos, o F.C. Porto marcou mais duas vezes: Hulk e Falcao fizeram o 3-0.

 

 

O Benfica, que tinha entrado na segunda parte disposto a defender de todas as formas, colocando dez jogadores atrás da linha da bola, teve de ir para a frente e reagiu rápido, numa falta de Sapunaru sobre Saviola, o árbitro marca penalty que Cardozo concretiza. O jogo ficou louco, mas não mais se alterou.

 

 

Ficha de jogo

 

Jogo no Estádio da Luz, em Lisboa.

 

Ao intervalo: 0-0.

 

Resultado final: 1-3.

 

Marcadores:

 

0-1, por João Muotinho, 63 minutos.

0-2, por Hulk, 71 minutos.

0-3, por Falcao, 74 minutos.

1-3, por Óscar Cardozo (penalty), 79 minutos.

 

S.L.Benfica: Júlio César, Maxi Pereira, Jardel, Luisão, Fábio Coentrão, Javi García (Alan Kardec, 86), Franco Jara (Pablo Aimar, 78), Carlos Martins, César Peixoto (Weldon, 89), Saviola e Óscar Cradozo. 
Suplentes: Roberto, Sidnei, Airton, Felipe Menezes, Pablo Aimar, Weldon e Alan Kardec.

 

F.C.Porto: Beto, Cristian Sapunaru (Sereno, 87), Rolando, Nicolás Otamendi, Alvaro Pereira, Ruben Micael (James Rodríguez, 61), Fernando, João Moutinho, Hulk, Falcao e Cristian Rodríguez (Varela, 75).
Suplentes: Kieszek, Sereno, Souza, James Rodríguez, Mariano González, Varela e Walter.

 

Árbitro: Carlos Xistra (Castelo Branco).

 

Acção disciplinar:

Cartão amarelo para Alvaro Pereira (17), Maxi Pereira (21), Cristian Rodríguez (30), Falcao (32), Javi Garcia (46), Franco Jara (58), Óscar Cardozo (64), Cristian Sapunaru (79), Fernando (79), Jardel (82), Hulk (84), Beto (90), Rolando (90) e Fábio Coentrão (90).

 

 

Declarações:

 

Jorge Jesus:  “o segundo golo foi determinante para dar mais capacidade emocional à equipa do FC Porto”, “É uma competição que diz muito aos sócios do Benfica e também a mim pessoalmente. Queríamos ganhá-la, mas não conseguimos”, “Há ainda duas provas. Temos uma final já no sábado e temos as meias-finais da Liga Europa.”

 

publicado por aguiavitoria às 15:35

23
Jan 11


A Comissão Disciplinar da Liga decidiu aplicar uma multa de 16.990 euros ao FC Porto, devido ao apedrejamento do autocarro do Sport Lisboa e Benfica.
Este incidente aconteceu na última época, quando o Benfica visitou o Estádio do Dragão, na penúltima jornada do Campeonato Nacional. Além dos danos no veículo dos campeões nacionais, o apedrejamento também feriu atletas do Benfica.
Esta indemnização deliberada pela Comissão Disciplinar da Liga é das mais pesadas de sempre do Futebol Português.

publicado por aguiavitoria às 15:34

Os Mandamentos de Jesus - www.wook.pt
Contador
Web Site Hit Counters
stats counter
Globo localizador
Contagem Universal
free counters
mais sobre mim
blogs SAPO