23
Mar 11

 

O Benfica teve uma das melhores partidas de futebol da presente temporada, ao vencer na Mata Real o Paços de Ferreira por 5-1. O marcador foi inaugurado por Óscar Cardozo, aos cinco minutos, de grande penalidade. Os restantes golos foram apontados pelos argentinos Pablo Aimar, aos 13, e Nicolas Gaitan, aos 25, e o internacional luso Nuno Gomes, aos 82 e 90+2.

 


 

 

Ficha de jogo

 

Jogo no estádio da Mata Real, em Paços de Ferreira.

 

Ao intervalo: 1-3.

 

Resultado final: 1-5.

 

Marcadores:

 

0-1, por Óscar Cardozo, 4 minutos (penalty).

0-2, por Pablo Aimar, 13 minutos.

0-3, por Nicolás Gaitán, 25 minutos.

1-3, por Carole, 27 minutos (autogolo).

1-4, por NunoGomes, 82 minutos.

1-5, por Nuno Gomes, 90 minutos.

 

Equipas:

 

Paços de Ferreira: Cássio, Waderson Baiano, Ozéia, Javier Cohene, Maykon, Manuel José, Filipe Anunciação, Bruno Di Paula (Bura, 45), Mario Rondon, Nélson Oliveira (Caetano, 61) e Pizzi (Amond, 71).

(Suplentes: Nuno Santos, Caetano, Amond, Paulo Sousa, Pedro Queirós, Bura e Antonio Filipe).

 

S.L.Benfica: Roberto, Maxi Pereira, Luisão, Jardel, Carole, Javi García, Franco Jara, Pablo Aimar, Nicolás Gaitán (Carlos Martins, 71), Saviola (Nuno Gomes, 77) e Óscar Cardozo (César Peixoto, 65).

(Suplentes: Júlio César, Nuno Gomes, César Peixoto, Sidnei, Airton, Fernández e Carlos Martins).

 

Árbitro: Artur Soares Dias (Porto).

 

Acção disciplinar:

Cartão amarelo para Javier Cohene (3), Maykon (35), Javier Cohene (41) e Wanderson Baiano (69).

Cartão vermelho para Javier Cohene (41).

  

Reacções:

 

 

Pablo Aimar: “As coisas saíram bem ao princípio, estávamos um pouco cansados do último jogo, mas conseguimos jogar muito bem. É sempre melhorar entrar bem e começar logo a ganhar e depois a ganhar por três golos conseguimos manter a posse de bola”,  “quando sai bem é um futebol de olhos fechados, onde fazemos boas jogadas, mas também há vezes em que as coisas não correm bem. Felizmente hoje correu tudo bem.”

 

 

Jorge Jesus: “O Benfica fez três golos num curto espaço de tempo, reflexo da sua qualidade de jogo, contra uma boa equipa que está no 4.º lugar e por isso foi um jogo bem conseguido. Estamos a acabar o Campeonato numa boa fase”, “quando se fala em sobrecarga de jogos, o que eu acho importante é o tempo de recuperação, independentemente, do número de jogos realizados. Neste jogo a equipa apareceu bem, apesar do Cardozo e do Nico Gaitán se terem queixado de dores musculares antes do jogo. Mais uma vez, mostrámos que estamos bem.”

 

 

publicado por aguiavitoria às 11:36

Os Mandamentos de Jesus - www.wook.pt
Contador
Web Site Hit Counters
stats counter
Globo localizador
Contagem Universal
free counters
mais sobre mim
blogs SAPO